Descubra os nossos Planos de Ação

Projetos piloto

Criação de uma área arborizada com irrigação por gotejamento, utilizando água tratada.

Localização: Águilas é uma cidade costeira localizada no sul da região de Múrcia, sudeste de Espanha. O turismo é uma das suas principais atividades económicas, pelo que a sua população varia entre 34.706 habitantes no inverno e 86.576 no verão.

Objetivo do projecto: Enfrentar problemas ambientais derivados das alterações climáticas, como a seca, a insolação e os episódios de chuvas fortes e inundações.

Aplicação: Espera-se que o volume de água que atualmente é usado para irrigação aumente, utilizando água tratada para esse fim. Além disso, o aumento da área arborizada da cidade causará uma diminuição da temperatura durante os meses mais quentes do ano, além de favorecer a retenção de água em caso de chuvas fortes. Esta ação aumentará ainda a produção e o consumo de energia renovável no município, já que o sistema de irrigação será abastecido por energia solar fotovoltaica.

Projecto de conexão das zonas verdes do programa Life

Localização: Cartagena é uma cidade espanhola localizada na Região de Múrcia, na costa mediterrânea, no sudeste do país. A sua população é de 214.759 habitantes, sendo o segundo maior município da região de Múrcia. A área metropolitana de Cartagena, conhecida como Campo de Cartagena, tem uma população de 409 586 habitantes.

Objectivo do projecto: Aumentar as áreas verdes pedonais para reduzir os riscos para a saúde relacionados com a temperatura extrema a que os cidadãos de Cartagena estão sujeitos durante os meses de verão. Esta ação procura reduzir 1 ou 2ºC nas áreas intervencionadas durante o projeto, além de mudar a forma como se entende o conceito de via verde.

Aplicação: Espera-se um aumento das áreas verdes na periferia de Cartagena através da plantação de árvores e criação de zonas de relva e áreas recreativas. No futuro, esta ação irá unir as ciclovias de toda a cidade e criar áreas de lazer e desporto para incentivar hábitos de vida saudáveis.

Zonas de sombra nas principais ruas de Lorca

Localização: Lorca é uma cidade e município localizado na Região de Múrcia, no sudeste de Espanha. É o terceiro maior município da região com 91.730 habitantes, dos quais 58.825 vivem na área urbana e os restantes estão distribuídos pelas numerosas freguesias que se estendem ao longo dos 1.675 km² de território municipal, o segundo maior de Espanha.

Objetivo do projeto: reduzir os efeitos das ondas de calor que atingem Lorca no verão, devido à sua Localização geográfica e elevada irradiação solar, e que afetam o comércio e a saúde dos seus habitantes.

Aplicação: Criação de zonas sombreamento em áreas de circulação movimentadas do centro de Lorca

Recuperação do lago artificial “Vidusezers”

Localização: Smiltene é uma cidade localizada na região de Vidzeme, no norte da Letónia. O distrito de Smiltene tem uma área de 946 km2, na qual residem 13.058 habitantes que usufruem do lago “Vidusezers”, um tanque de água artificial com capacidade de 2,9 ha, localizado a 200 metros do centro da cidade.

Objetivo e aplicação do projeto:  proceder à limpeza do lago, visando aumentar a sua capacidade de retenção de águas da chuva, reduzindo assim o risco de inundações, prevenir a poluição ambiental e atenuar os efeitos das ondas de calor, que em cada ano afetam o município com maior intensidade.

Medidas de adaptação às alterações climáticas

Localização: Mértola situa-se na região Sul de Portugal, ocupando uma área de está 1292 km2,  com cerca de 7.500 habitantes.

Objetivo do projeto: Proporcionar uma solução de resposta às altas temperaturas em locais onde não é possível ter sombreamento de forma natural.

Aplicação: Criação de áreas de sombra para fins recreativos em área urbana com integração de energias renováveis. Promoção de projetos para a criação de florestas de fins múltiplos com base em espécies indígenas e promoção da regeneração natural destas. Desenvolvimento de um plano de turismo sustentável que contemple a adaptação de políticas, recursos e infraestruturas às alterações climáticas.

Medidas de adaptação às alterações climáticas

Localização: Alfândega da Fé é um município de montanha com uma forte componente agrícola localizado na região Norte de Portugal, com uma população de 5.104 habitantes.

Objetivo do projeto: encontrar uma solução que responda à grande vulnerabilidade do município aos fenómenos de secas e consequente risco de ocorrência de incêndios.

Aplicação: Criação de áreas de sombra em área urbana com integração de energias renováveis. Promoção de projetos para a criação de florestas de fins múltiplos com base em espécies indígenas e promoção da regeneração natural destas. Criação de um lago natural que promova o arrefecimento ambiente, promova a irrigação de áreas agrícolas e que apoie o combate a incêndios florestais.